Número total de visualizações de página

sábado, 24 de setembro de 2011

ÓVULO



(Dedicado à Poeta Lila Marques)

É nas nossas mãos abertas
Que brotam como gritos mudos
Flores perfumadas de amendoeiras
Um mar de estrelas iluminando sonhos.

Não sei bem o nome que lhe dê
Sei que dos olhos nascem goiabas
Das emoções que ninguém vê
O misticismo único da lua cheia.

Ah, soubera eu o nome concreto
Deste agitar de pássaros sem asas
Que chilreiam por entre o silêncio
Que esvoaçam num céu de palavras
Talvez eu descobrisse finalmente o mundo
Onde nascemos filhas do mesmo óvulo.

(VÓNY FERREIRA)
Nota: Este poema foi inspirado no da Lila Marques intitulado "Nome" Leia aqui...
http://www.liriolilasblogspot.blogspot.com/ 

4 comentários:

Lírio Lilas disse...

Minha querida...o que lhe digo?
Que nome eu dou à emoção que me toma agora?
É lindo quando um poema nasce do outro...e se ajusta desta forma ao sentido que se desprende do primeiro poema.
Não é todos os dias, minha amiga querida, que se nasce do mesmo óvulo!
Um obrigada muito muito grande e um beijo transoceânico!
Lila.

Vóny Ferreira e outros poetas neste blog : http://vonyfereeira.blogspot.com/ disse...

Pois é... querida amiga, o poema em que me inspirei foi este...

"Nome?"

O que eu quero te dar não tem nome
Tem gosto de fruta madura
Cheiro da flor mais silvestre
Nuances da paz mais sonhada.

O que eu quero te dar é estrada
Daquelas que percorro sozinha
Nos meus labirintos de rio
Nascente brotando em sorriso.

O que eu quero te dar tem pouco siso,
Mas é intenso e impreciso
Respira em meu peito e te grita em silêncio
Como se fora um sol
Radiante e luminoso
Brilhando por trás da montanha...


Lila Marques.


PS;- Um poema teu belíssimo que só poderia sugerir algo que mexesse connosco.
Bjs e obrigada.
Vóny Ferreira

selma disse...

Querida amiga Vóny,você é merecedora pelo seu talento,me senti sensibilizada com suas palavras,,,
Amiga poetiza,um final de semana muito lindo,
beijos

Vóny Ferreira e outros poetas neste blog : http://vonyfereeira.blogspot.com/ disse...

Muito obrigada Selma uma vez mais
pela postagem do seu blog de um texto onde fala nos meus livros.
Bjs grandes
Vóny Ferreira